segunda-feira, 20 de junho de 2016

Dia 46 - Portomarin - Vendas de Naron - 13,5 km


E o sol brilhou poderoso! Saímos de Portomarin com muita névoa num cenário de filme. Lá pelas 9 e tantos... quase 10, o céu azul claro se mostrou.  A peregrinagem toda sorria de orelha a orelha.

O trecho foi montanhoso, e por isso fizemos várias paradinhas estratégicas. Funciona que é uma beleza. Chegamos saltitantes à Vendas.
A quantidade de pessoas fazendo o percurso continua aumentando. Agora a gente vê roupas novas supercoloridas, mochilinhas pequenas super estilosas e tênis limpos. E quando passam pequenos grupos, fica um rastro de desodorante e shampoo no ar. Dá uma inveja... rsrsrs
Parece uma multidão indo malhar na academia chique. Brincaderinha!  O Caminho é de todos, e cada um que o faça à sua maneira.



O que me incomoda e muito é a falta de noção dos que chegam fazendo algazarra nos albergues de peregrinos. Mesmo vendo que têm gente dormindo! Ano passado não vi isso por aqui...  Na Via de la Plata é impensável esse tipo de coisa.  Este trecho depois de Portomarin até Santiago está mesmo ficando impraticável.  Pena.
Diminuímos bastante o passo,  e pudemos curtir alguns trechos em deliciosa solidão.
As paisagens continuam um exagero de lindas. Com ou sem os peregrinos high tec coloridos barulhentos e perfumados. Ô boca!



2 comentários:

Carmem Silvia De Macedo disse...

Estou vendo esse narizinho torcido kkkkk
Bjs de montão

sonia lopes disse...

Tem hora que o cansaço me tira o bom humor.Fiquei P com a zona que um grupo de homens fizeram. Depois passou... Como tudo passa...