segunda-feira, 13 de junho de 2016

Dia 40 - Trabadelo - La Faba - 15 km


Já viram um trio brilhando? Eu vi hoje!
Saímos perto de 8:00 de Trabadelo sabendo que os 12 primeiros kilômetros seriam café com leite, mamão com açúcar, moleza como tirar pirulito de criança. Se bem ultimamente a criançada não tá mais ligada em pirulito e sim em celulares e tablets.  É mais um trocadilho que se perde.





Mas, voltando ao caminho... a coisa começaria fácil. Em compensação os 3 últimos km seriam o início da temida subida ao Cebreiro. O primeiro terço mais difícil. O bicho papão. O coisa ruim das ladeiras acima.




Cada uma no seu ritmo sem perder as outras de vista. E fazendo quantas paradas fossem necessárias. Sussa!
Vou falar por mim. Parecia outra trilha e não a que fiz ano passado. Subir esta montanha em 2 partes me permitiu saborear toda beleza  desta trilha que é uma das mais exuberantes que já fiz.  Seja pelas altas encostas, ou pela cores, pelo rio, aromas, canto dos pássaros, chão de pedras, raios de sol que penetram na copa das árvores em vários trechos ou pelos peregrinos com os rostos suados e sorridentes arfando e querendo ser cúmplices daquele momento especial. Algo como uma enorme equipe chegando em primeiro lugar e recebendo medalhas. Difícil explicar. Mas não parecia o trecho que eu fiz no ano passado.




Ano passado subi de um tiro só e não absorvi nada disso. E hoje, de bônus, ainda tem o autêntico e bem cuidado albergue de La Faba que é dirigido por alemães.  E La Faba é acolhedora. E tem  restaurante com preço justo e comida deliciosa.
A palavra para hoje é encantamento.  Que maravilha poder subir o Cebreiro desta forma.
Alguém me perguntou a idade do trio. Eu tenho cinquenta e pouco. A Cláudia uns poucos a menos e a Anna uns poucos a mais. Somando tudo e dividindo por três sobra nada que se aproveite! Rsrsrsrs




2 comentários:

Carmem Silvia De Macedo disse...

Explodindo de felicidade por ver vcs tão felizes. Bjs de montão

Carmem Silvia De Macedo disse...

Explodindo de felicidade por ver vcs tão felizes. Bjs de montão