domingo, 8 de maio de 2016

Dia 4 - Almadem de la Plata - Monesterio - 35km

Teve de tudo... menos sol. Não tinha mais roupas secas. Ao contrário do caminho francês, não há muita oferta máquina de lavar e secar roupas. E sem sol.... bem. Estava usando a mesma roupa já 2 dias. A chuva ia e vinha... Quando cheguei a El Real de la Jara, 14 km de caminhada, estava inteira... e meus amigos resolveram seguir adiante. Fui junto, né! Só que a chuva ficou forte e encheu os vários córregos que passam pelo caminho. O vento ficou intenso e muito gelado. E neste caminho não tem abrigos.. quanto mais banheiro... Tira bota, atravessa,  põe capa, tira capa... foi terrível.  Pode o papa me chamar para aumentar o trecho que nunca mais. Ganhei a primeira bolha. Fiquei chateada por ter feito isso. Foram mais de 10 horas bastante difíceis.  Mas ( sempre tem um mas) pelo menos o albergue é maravilhoso. E depois que tomei banho super quente, meu enteado me ligou pelo dia das mães... e o jantar foi delicioso... e minhas botas estão secando na lareira... e tenho roupas limpas e secas... e amanhã será melhor.








8 comentários:

Mandinha disse...

Que bom que sempre existe um Mas 😃

Anna Maria disse...

Que barra.

Claudia disse...

Existe um ditado aqui na Bahia: "se maluco chamar não vá que é esparro!" Kkkkkk força aí, irmã, Eu sei que vc consegue! Deus cuida de vc!

sonia lopes disse...

As vezes, tudo que a gente precisa é um Mas. :)

sonia lopes disse...

Está rota é animal. Mas,continuo.

sonia lopes disse...

Descansei bastante. Vou esperar a chuva dar um tempo e sair para 26km.sei que existe um albergue a 20km daqui. Se a barra pesar,fico lá.

Carmem Silvia De Macedo disse...

Ainda bem que se diverte com tudo isso. Eu já teria morrido. Orgulho, tenho de vc. Bj

Carmem Silvia De Macedo disse...

Ainda bem que se diverte com tudo isso. Eu já teria morrido. Orgulho, tenho de vc. Bj